BLOG OGOCHI ACOMPANHE NOSSAS NOTÍCIAS

ESTRESSE: Vivendo em uma realidade a mil por hora

ESTRESSE: Vivendo em uma realidade a mil por hora

COMPARTILHE:

O despertador não tocou e você acordou atrasado. É dia de reunião, trânsito parado, sua mesa está cheia de papéis. Prazos apertados, tarefas atrasadas. É muito provável que você venha a sentir uma aceleração nos seus batimentos cardíacos, ou dor de cabeça, talvez angústia, e à noite não consiga relaxar: são sintomas de estresse.

Esses sintomas têm se tornado cada vez mais comuns no nosso dia a dia, e a culpa não é do despertador que não tocou, mas dos nossos instintos que nos levam a ir com muita sede ao pote e querer realizar mais do que somos capazes.

O homem moderno passou a acreditar que ser estressado é “cool”, que significa ser um cara solicitado e indispensável. Bem, o estresse tem sim seu lado positivo, que nos mantém em estado de alerta, reduz o medo e nos torna criativos, porém esses fatores positivos são pequenos perto do mal que ele pode causar em seu corpo se não for controlado. Além de dores musculares e de cabeça, ansiedade e distúrbios do sono, atualmente o estresse é um dos principais causadores de doenças cardíacas e no sistema imunológico. De acordo com uma pesquisa realizada pelo Hospital Albert Einstein em São Paulo, ele aumenta a frequência cardíaca, a contração do coração e a pressão arterial, o que pode causar um infarto. Também torna o sistema imunológico superativo, podendo desencadear ou agravar doenças autoimunes e aumenta as chances e inflamação em todo o corpo.

O estresse é causado por motivos diversos, no entanto, independente do motivo, seus sintomas geralmente são os mesmos, e para amenizar seu mal estar cabem algumas mudanças, ou talvez podemos dizer melhorias, na sua rotina diária, como:

- Meditar: A meditação controla o fluxo respiratório e os batimentos cardíacos, com isso atua no nível físico do estresse. Além de aquietar a mente e reduzir os pensamentos compulsivos, também regula o sistema nervoso e fortalece o sistema imunológico. Parar para meditar de 3 a 5 minutos durante o dia irá acalmar sua mente e ajudar a manter o foco.

- Alimentação: Apenas comer não é o suficiente. O estresse é potencializado pela má alimentação, e por isso é necessário uma associação de hábitos saudáveis e boa alimentação. Procure fazer sua refeição em um ambiente calmo e próprio para isso, e também evite alimentos industrializados, processados, refrigerantes, queijos amarelos, bebidas alcoólicas, café, chás e carboidratos refinados (pães, bolos, massas com farinha branca) em excesso. Sua produtividade vai aumentar porque a fadiga irá diminuir.

- Lazer: Separe um momento do seu dia, ou da sua semana, que seja SEU. Adquira um hobby, saia com os amigos ou com a família, pratique uma atividade física. Fuja da rotina.

- Exercícios: a atividade física é uma aliada importante no combate ao stress. Caminhada, musculação, andar de bicicleta, jogos esportivos ou qualquer outra atividade. Escolha uma de sua preferência e elimine a tensão.

O estresse é o mal do século, mas não precisa ser o seu mal. Aprender a controlá-lo é o primeiro passo para ter equilíbrio e uma melhor qualidade de vida.

__________

Referências:

Estresse: não deixe explodir. Pg. 151-158. GQ BRASIL. São Paulo: Junho, 2015.

Relação entre estressores, estresse e ansiedade. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rprs/v25s1/a08v25s1

Estresse: conheça o lado positivo. Disponível em: http://www.minhavida.com.br/bem-estar/galerias/16890-estresse-conheca-o-lado-positivo/4

10 alimentos que ajudam no combate do estresse. Disponível em: http://exame.abril.com.br/estilo-de-vida/noticias/10-alimentos-que-ajudam-no-combate-ao-estress

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Postagens relacionadas

SIGA-NOS

NEWSLETTER

RECEBA
NOVIDADES
EM SEU
E-MAIL

NEWSLETTER

RECEBA NOVIDADES EM SEU E-MAIL

Ogochi Menswear - Moda Masculina

SOLUÇÃO COMPLETA EM MODA MASCULINA